Sabe qual foi o dia em que me tornei pai?

Foi ontem, hoje e será amanhã novamente. Eu sinto que me torno pai a cada dia que passa, em cada nova manifestação de conhecimento do meu filho mais velho ou em cada nova expressão da minha pequena bebezinha. Cada erro que cometo na educação deles, cada pergunta que me deixa sem reação e cada resposta inesperada e engraçada que recebo, tudo isso me torna cada vez mais pai.

Às vezes questiono a mim se estou mesmo me tornando um bom pai, pois são tantas palavras ríspidas na hora errada, limites mal definidos, atenção mal dirigida, concessões demais, bloqueios, exemplos errados e uma infinidade de outras possibilidades para errar, mas ao mesmo tempo são tantos momentos de carinho, cumplicidade, abraços apertados, amizade, risadas, alegrias e tantas coisas boas que anulam as dúvidas e fazem pensar que não sou e nem quero ser um bom pai, eu quero apenas ser pai e proporcionar aos meus filhos tudo que estiver ao meu alcance para que eles sejam pessoas boas e que sintam vontade de amar seus filhos tanto quanto eu os amo.

Tenho aprendido muito mais com eles do que um dia eu possa ter sonhado em ensiná-los, descobri que existe um amor que supera qualquer outro tipo de sentimento humano, não é maior e nem melhor do que o amor que sinto por minha esposa, é simplesmente diferente e único.

A paternidade me fez perceber que um filho não poderá jamais amar um pai com a mesma intensidade com que é amado e que só irá conhecer tamanha intensidade de amor quando puder devolver todo amor recebido amando seus próprios filhos. Entendi que todo esse amor que sinto e entrego diariamente aos meus filhos é apenas a devolução de todo amor que um dia meus pais sentiram por mim e que um dia será entregue por meus filhos aos meus netos.

Escrito com muito carinho por Papai Paulo em comemoração ao dia dos pais!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

6 ideias sobre “Sabe qual foi o dia em que me tornei pai?

  1. Lindo, verdadeiro e muito bem escrito. Admiro muito essa família, pois estão sempre dando forças uns aos outros e compartilhando todos os momentos.

  2. Sabe cada palavra que o Paulo escreveu descreve quase todos os pais, é assim mesmo o sentimento entre pai e filhos, tenho certeza de que os pais que leram também pensam e agem assim, só que o Paulo tem capacidade para por no papél tudo oque sente, isso são poucas pessoas que conseguem, por conta disso que te admiro cada vez mais, e parabens pela familia que voces contruiram, estou orgulhosa, abraços para todos

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>