Sobre abrir mão do próprio espaço.

Desde que nascemos buscamos um lugar no mundo. Lutamos com os irmãos por atenção dos pais, com os primos por atenção dos avós, com os colegas de aula por destaque.

E depois de adultos então… Só deixamos as espadas de lado, mas a luta por um lugar só nosso é cruel!

E não falo só por um lugar no mercado de trabalho. Falo de vaga de estacionamento, de uma mesa boa no restaurante, do lugar mais legal na areia da praia, do lado mais fofinho do sofá. Sempre pensamos primeiro na nossa barriga, no nosso frio, no nosso lugar na foto, na mesa, no banho, na cama.

Até que nasce um filho. E a gente fica perdidamente apaixonada.

A imagem é com cachorros. Mas consigo imaginar muito bem uma mãe e um bebê.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Uma ideia sobre “Sobre abrir mão do próprio espaço.

  1. Acabei de “te conhecer” e estou amando ler…obrigada pela emoção, pela inspiração e por compartilhar de um sentimento tão inexplicável.
    E entendi COMPLETAMENTE a foto. É isso….
    beijocas

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>